Follow:
Livros

Resenha Literária: O Teorema Katherine – John Green

 photo oteoremakatherineresenhaf1_zps563e26db.jpg

Autor: John Green / Editora: Intrínseca / Páginas: 304

Eu costumo dizer que leio de tudo, até embalagem de shampoo. Mas não é bem verdade. Sim, eu adoro ler embalagens de shampoo (louca!), mas não sou muito fã de livros de drama. Acho que por isso ignorei John Green por tanto tempo e – pasmem! – nunca me animei de ler A Culpa é das Estrelas. Mas quando soube que ele tinha um livro um tanto quanto mais animado, não perdi tempo e me joguei em O Teorema Katherine.

Colin, é um menino prodígio, com uma estranha obsessão por meninas chamadas Katherine, e já namorou dezenove delas. E todas elas terminaram com ele.

Sofrendo pelo recente término com a K-19, Colin aceita a proposta de seu amigo Hassan e os dois saem em um road trip. Mas não vão muito longe, porque logo na primeira parada Colin acaba sofrendo um pequeno acidente e tem seu “momento Eureka!“. Ele tem a ideia que irá levá-lo de “ex menino prodígio” à gênio: elaborar um teorema com o qual seja possível prever o futuro de qualquer relacionamento, quem irá terminar com quem e aproximadamente quanto tempo irá durar.


O que é perfeito, porque… Bom, quem nunca se perguntou isso?

 photo oteoremakatherineresenhaf2_zps6775f61c.jpg
Quem aí se arrisca a calcular o futuro do seu relacionamento?

 
Além de ser um livro que tem os melhores ingredientes para uma boa história, O Teorema Katherine tem dois diferenciais muito legais: é cheio de gráficos e equações matemáticas (não que eu goste de matemática!), e notas de rodapés repletas de… cultura inútil!
 
 photo oteoremakatherineresenhaf3_zps85aabf55.jpg


O Teorema Katherine é um daqueles livros leves e divertidos, mas que no final passam um boa lição de vida. Lição que é…

 photo oteoremakatherineresenhaf4_zps3aad7e86.jpg
 
Não, mentira. Claro que não é isso. Mas irei usar muito esta informação! Quanto a lição, é claro que não vou contar, né?! Corre pra ler!


“Os livros são o melhor exemplo de Terminado: deixe-os de lado e eles o esperarão para sempre; dê-lhes atenção e sempre retribuirão seu amor”.
– O Teorema Katherine (John Green)

Share:
Previous Post Next Post

Você também vai gostar:

16 Comments

  • Reply Jaque Domingues

    Eu fui comprar A culpa é das estrelas e me deparei com esse, e tô até hoje pensando nele, parece ser muito legal. Tô querendo ler demais<3

    http://cogumelocintilante.blogspot.com/

    Responder

    Carla, respondeu:

    setembro 26th, 2013 @ 1:53 am

    É bem legal, Jaque! Lê sim!

    Responder

    setembro 20, 2013 at 11:25 am
  • Reply Carol Monteiro

    Eu nunca me animei pra ler os livros do John Green também, mas depois da sua resenha sobre o livro… Eu quero! kkkkk

    Blog | Facebook

    Responder

    Carla, respondeu:

    setembro 26th, 2013 @ 1:52 am

    Que bom que te animei a ler John Green, Carol! Espero que goste do livro!

    Responder

    setembro 20, 2013 at 2:51 pm
  • Reply Bárbara Flores

    ESTOU LOUCA PARA LER ESSE LIVRO <3 Ta na minha wishlist há muito tempo já, acho que semana que vem já compro ele! http://www.reacreditar.com

    Responder

    Carla, respondeu:

    setembro 26th, 2013 @ 1:52 am

    Compra sim, Bárbara!

    Responder

    setembro 20, 2013 at 6:53 pm
  • Reply Maiara

    Queria ter paciência pra ler mais, viu? =(

    http://www.maipm.com

    Responder

    Carla, respondeu:

    setembro 26th, 2013 @ 1:51 am

    Own, Maiara, é tão bom! rsrs

    Responder

    setembro 20, 2013 at 7:21 pm
  • Reply Keythi Stefane

    Os livros de John Green são bons. O forte dele não é a ação, e sim o desenvolvimento psicológico dos protagonistas. Eu li os quatro publicados (A culpa é das estrelas, O teorema Katherine, Cidade de papel e Quem é você Alasca?), e fiquei satisfeito com a profundidade com que ele retrata a personalidade dos protagonistas. Neste livro, Collin talvez seja um tanto depressivo, até meio autista, o que é característico de crianças prodígio. Apesar disso, quando acabamos o livro, percebemos que ele encontra o equilíbrio, assim como Hassan, e a mensagem final que fica é a esperança de um futuro mais feliz, amei, super indico esta leitura.

    Beijos.
    http://www.quasequedezoito.com/

    Responder

    Carla, respondeu:

    setembro 26th, 2013 @ 1:51 am

    E é difícil encontrar livros que focam no desenvolvimento psicológico dos personagens e que não se tornam massantes, não é Kaythi? Acho que por isso gostei tanto desse livro, pois apesar de tudo, é uma leitura leve.

    Responder

    setembro 21, 2013 at 1:24 am
  • Reply Amanda Karoline

    Eu não quis ler a culpa é das estrelas, porque de drama já basta a vida real hahahahahaha
    Eu fiquei tentada a comprar esse livro na minha última compra, quem sabe na próxima ele não vem pra minha estante.
    Beijo
    http://www.sonhosdebrigadeiro.blogspot.com

    Responder

    Carla, respondeu:

    setembro 26th, 2013 @ 1:46 am

    kkkkk Também penso assim com relação aos dramas, Amanda! rs

    Responder

    setembro 21, 2013 at 6:33 pm
  • Reply Anne Machado

    Carlinha, ao leu sua resenha fiquei muito empolgada em ler, gostei da história, achei bem interessante. Ótimo post, gostei muito! 😀
    Beijos!!
    http://annereviews.blogspot.com.br/

    Responder

    Carla, respondeu:

    setembro 26th, 2013 @ 1:47 am

    Lê sim, Anne! Eu gostei muito!

    Responder

    setembro 22, 2013 at 1:25 am
  • Reply Biia.

    Eu adoro os livros dele, to lendo A Culpa é das Estrelas e já quero O Teorema de Katherine.
    De: Adolescente Para: Adolescente

    Responder

    Carla, respondeu:

    setembro 26th, 2013 @ 1:48 am

    Também curti o estilo dele, Biia. Comprei agora o Cidades de Papel.

    Responder

    setembro 23, 2013 at 5:28 pm
  • Leave a Reply