Follow:
Livros

Resenha Literária: Quase Casados – Jane Costello

quase casados jane costello

Autora: Jane Costello / Páginas: 416 / Editora: Record

 

Quando eu penso em um motivo que alguém poderia ter para sair correndo de Liverpool, cidade que eu amo por motivos óbvios (ok, caso não seja tão óbvio: The Beatles), só consigo imaginar que seja por algo grande, algo drástico, algo do tipo ser abandonada no altar no dia do casamento pelo noivo com quem você estava junto há sete anos. Bem, foi exatamente o que aconteceu com Zoe Moore.
 
Assim, ela acaba indo parar em Boston, nos EUA, e conhece o mau humorado Ryan Miller, viúvo e pai de dois filhos pequenos de quem Zoe se torna babá. Ruby, prestes a completar seis anos, e Samuel, com três, são crianças adoráveis mas que sofrem por terem perdido a mãe tão cedo e mal veem o pai, que passa a maior parte do tempo no trabalho (mas sempre volta pra casa com cheiro de perfume feminino nas camisas!).
 
Entre fazer novas amizades, enfrentar uma guerra para colocar as crianças na cama antes das dez da noite (sim, dez da noite!), lavar as roupas de Ryan e tentar manter o chão da casa longe de uma cobertura de caixas de comida e garrafas de cerveja, Zoe tenta manter a sua mente afasta de Liverpool e de Jason – seu ex-noivo.
 
resenha quase casados
 
E ela realmente está fazendo um bom trabalho (em ambos os sentidos!). Apesar de ainda sofrer pelo abandono no altar, consegue passar momentos divertidos com as outras babás, conquista o coração – e o estômago – das crianças, e até começa a ver uma ruptura na armadura que Ryan vestiu depois da morte da esposa e consegue se relacionar melhor com ele. O que talvez não seja lá uma boa ideia, já que ela tem uma quedinha pelo patrão incrivelmente lindo.
 
Mas quando começa a receber ligações de Jason, Zoe precisa repensar algumas coisas nas sua vida e decidir que rumo tomar.
 
livro quase casados resenha
Como a crítica comparou Quase Casados aos livros de Sophie Kinsella (minha escritora preferida desse gênero), confesso que esperava um pouco mais – talvez algumas cenas de arrancar gargalhadas, mas nisso o livro ficou me devendo. Até tem algumas passagens bem engraçadas, mas elas rivalizaram com outras tentativas de cenas que deveriam ser cômicas mas acabam ficando forçadas.
 
Pra mim, o forte de Quase Casados fica mesmo por conta das partes emocionantes, como a relação quase maternal que Zoe vai construindo com as crianças, ou um certo acontecimento marcante que muda de vez as atitudes de Ryan tanto com os filhos, quanto com Zoe.
 
O livro é um chick-lit clichêzinho, ou seja, no começo da leitura você já sabe o que esperar do final e não tem grandes surpresas pelo meio do caminho. A narração em primeira pessoa e os capítulos curtos fazem a leitura fluir facilmente. Quem gosta de uma leitura leve para passar o tempo, onde tudo termina bem quando acaba bem, Quase Casados em uma boa aposta!
 
quase casados livro
“Você pode atravessar um oceano para fugir. Mas não tem como fugir de seus pensamentos.”

 

Acompanhe o Burguesinhas:
Facebook | Twitter | Lookbook
 Youtube | Pinterest
Instagram: @carlasantanna


 

Share:
Previous Post Next Post

Você também vai gostar:

28 Comments

  • Reply .lívia.

    olha, pra fugir de liverpool realmente… haha… adorei a resenha e já fiquei com vontade de ler o livro!
    bom inicio de semana carlinha

    http://www.tofucolorido.blogspot.com
    http://www.facebook.com/blogtofucolorido

    Responder

    Carla, respondeu:

    setembro 16th, 2014 @ 9:42 pm

    Leia e depois me conte o que achou, Lívia! 🙂

    Responder

    setembro 15, 2014 at 12:03 pm
  • Reply Aline Laitarte Bomboneca

    Na realidade me deixou bem curiosa sua resenha Cáh! Parece bem aqueles filmes americanos, para se assistir em família…

    Bjaum amore.

    Aline Laitarte – http://www.bomboneca.blogspot.com

    Responder

    Carla, respondeu:

    setembro 16th, 2014 @ 9:44 pm

    Apesar do livro ser bem moderninho, a história tem um “q” de Mary Poppins, né? rsrs

    Responder

    setembro 15, 2014 at 1:59 pm
  • Reply Natalia Rios

    ah que fofo, parece ser muito bom!

    Beijooos
    https://blogidfashion.wordpress.com

    Responder

    Carla, respondeu:

    setembro 16th, 2014 @ 9:45 pm

    Que bom que gostou da dica, Natália! 🙂

    Responder

    setembro 15, 2014 at 3:57 pm
  • Reply Rafa Monteiro

    Não conhecia o livro, ótima resenha!

    Tem sorteio rolando no blog vai lá participar!

    Beijos
    Mulher Antenadíssima ♥♥

    Responder

    Carla, respondeu:

    setembro 16th, 2014 @ 9:46 pm

    Que bom que gostou da dica, Rafa! 🙂

    Responder

    setembro 15, 2014 at 6:44 pm
  • Reply Amanda Zanatta

    oi Carla,
    não conhecia o livro mas amei a capa e a resenha!
    adoro chick-lit também, então vou anotar o nome do livro 🙂

    beijo,
    Guerra de Almofada

    Responder

    Carla, respondeu:

    setembro 16th, 2014 @ 9:46 pm

    Anota sim, Amanda! E se ler, me conta se gostou! 🙂

    Responder

    setembro 15, 2014 at 8:29 pm
  • Reply Máa

    Que legal, adorei a resenha. Fiquei super curiosa para ler!

    bj Má
    http://www.2betrend.com.br

    Responder

    Carla, respondeu:

    setembro 16th, 2014 @ 9:47 pm

    Que bom que gostou da dica, Máa! 🙂

    Responder

    setembro 15, 2014 at 10:34 pm
  • Reply Leticia Caires

    Ai que vontade de ler , parece ser muito legal vou até colocar na minha lista :3

    beijos

    http://esquematizadaaos15.blogspot.com.br/

    Responder

    Carla, respondeu:

    setembro 16th, 2014 @ 9:48 pm

    Depois me conta se gostou, Leticia! 🙂

    Responder

    setembro 16, 2014 at 1:52 am
  • Reply Larissa Alves

    Gosto de leitura assim, mas tem que tomar cuidado porque as vezes pode ficar enjoativo, já larguei um livro na metade por causa disso rs mas a capa é um amor <3
    http://www.algumasprimaveras.com.br/

    Responder

    Carla, respondeu:

    setembro 16th, 2014 @ 9:49 pm

    Apesar de amar chick-lit não consigo ler dois em seguida, pq realmente pode acabar ficando enjoativo. Mas Quase Casados é bem leve e flui bem! 🙂

    Responder

    setembro 16, 2014 at 12:58 pm
  • Reply Karine Ferrer

    Adoro Kinsela 😀
    Você já leu FIQUEI COM SEU NÚMERO?
    Se não, leia. Você vai amar.
    a Poppy é uma louca de pedra, se mete em cada uma que a gente fica imaginando: COMO ESSA LOUCA VAI SAIR DAÍ?
    Adoro livros de comédia.
    Se me permite indicar: PERDIDA e PROCURA-SE UM MARIDO (Ambos de Carina Rissi – autora brasileira por quem tenho profunda admiração).

    Já na linha de romance, eu gostei de BELO DESASTRE. Não é tão clichê, embora o final seja rsrs Mas de histórias onde tem muita confusão, brigas, lágrimas e um amor incondicional. TRAVIS é o meu personagem favorito.

    De DRAMA, eu indico: COMO EU ERA ANTES DE VOCÊ. Vai te arrancar muitos sorrisos e lágrimas. Mas passa uma lição daquelas rsrs

    Bom, essas são minhas indicações. Sempre estou lendo. No momento, dois ao mesmo tempo rsrs
    Se quiser mais dicas, basta falar 😉

    Responder

    Carla, respondeu:

    setembro 16th, 2014 @ 9:55 pm

    Já li todos da Sophie, Karine. Simplesmente amo! Fique com seu Número é muiiiito bom! Aliás, pelo jeito que termina, acho que merecia uma continuação! Meu preferido é o Meninas de Vinte – rolaram tantas lágrimas nesse livro que eu nem sabia mais quando estava rindo ou quando estava chorando. kkkk Sem falar na série da Becky, né? rsrs

    Acho que sou uma das únicas pessoas que não conseguiu gostar de Belo Desastre, achei o Travis obsessivo demais (ok, esse era o tema, mas… rs)! Nessa linha de YA eu amo Easy e Entre o Agora e o Nunca (apesar de ainda não ter lido a continuação).

    Já drama, eu não curto muito não… Até tenho o Como Eu Era Antes de Você, mas ainda não li…

    Adorei as indicações dos livros da Carina Rissi, com certeza vou procurar para ler! E pode indicar mais, sempre! Adoro! kkkk

    Responder

    setembro 16, 2014 at 4:46 pm
  • Reply Larissa

    Esse livro parece ser tão fofo, adorei!

    Beijos,
    Chocolate QuenteInstagram@blogchocolatequente
    Curta a Fanpage do blog!

    Responder

    Carla, respondeu:

    setembro 16th, 2014 @ 9:57 pm

    Que bom que gostou da dica, Larissa! 🙂

    Responder

    setembro 16, 2014 at 6:39 pm
  • Reply Brenda Caroline

    Nossa que sacanagem, imagina o noivo deixar a noiva plantada no altar no dia tão especial assim. Ficaria sem chão. Parece bacana, ficaria curiosas em saber como ela ficou. Beijos

    http://www.brendacaroline.com.br

    Responder

    Carla, respondeu:

    setembro 16th, 2014 @ 9:58 pm

    Não é Brenda? rsrs. O pior é já vi tanto filme/livro assim que acho que no dia que me casar vou ligar antes pra alguém pra saber se está tudo ok. kkkkkkk

    Responder

    setembro 16, 2014 at 9:29 pm
  • Reply Ângela Guidi

    Sei que é meio errado e que podemos quebrar a cara, mas alguns livros me conquistam pela capa. Essa capa é tão amor que fiquei com vontade de tê-lo assim que vi a foto. haha Mas a história parece ser bem gostosa para ler depois daquele livro que te deixa com uma ressaca literária das bravas!

    Seu blog é tão fofo! Beijos,
    Diário Nepente

    Responder

    Carla, respondeu:

    setembro 17th, 2014 @ 7:06 am

    Eu também julgo livros pela capa, Ângela! rsrs. Acho que minha maior surpresa foi com Anna e o Beijo Francês, que ignorei por meses só pq não gostava da capa, mesmo todo mundo falando que a leitura era a minha cara. Quando finalmente dei uma chance ao livro, me apaixonei! A Record fez mesmo um bom trabalho com a capa de Quase Casados!
    Fico feliz que tenha gostado do Burguesinhas e espero te ver aqui mais vezes! 🙂

    Responder

    setembro 16, 2014 at 11:58 pm
  • Reply Jessika Lima

    Nunca tinha ouvido falar desse livro, além de ter uma capa linda, a história parece ser daquela que te envolve do inicio ao fim. Já está na minha listinha de próximas leituras, haha. Obrigada pela indicação! Um beijo,
    Dreams in Paris

    Responder

    Carla, respondeu:

    setembro 20th, 2014 @ 2:04 am

    Depois me conta se gostou, Jessika! 🙂

    Responder

    setembro 19, 2014 at 3:57 pm
  • Reply Karen Vanessa

    Ahhhh, apesar de clichezinho, parece ser muito fofo!
    Fiquei com vontade de ler. ♥
    Beijos com açúcar.
    http://www.normalidadeincomum.com.br

    Responder

    Carla, respondeu:

    setembro 20th, 2014 @ 2:05 am

    Eu adoro um clichezinho, Ká! kkkkk

    Responder

    setembro 19, 2014 at 7:22 pm
  • Leave a Reply