Cabelos ao vento – O que dizem os especialistas?

Deixar os cabelos ao vento é romantismo Hollywoodiano. Na prática, isso pode ser prejudicial à saúde das madeixas. O vento afeta a cutícula dos fios, deixa-os arrepiados e com frizz. A boa notícia é que os cuidados capilares nunca saem de moda.

Os danos causados pelo vento

Nos cabelos, os fortes ventos podem provocar a quebra dos fios e a formação de frizz. Para evitar esses danos, é necessário manter uma rotina de cuidados. A hidratação é uma medida essencial de proteção dos fios expostos.

De acordo com o Painel de Dados de Mercado da ABIHPEC (Associação Brasileira da Indústria de Higiene Pessoal, Perfumaria e Cosméticos), o setor de obteve em 2020, um crescimento de 5,8% em vendas ex-factory, quando comparado com o mesmo período de 2019. Shampoos tiveram um crescimento de vendas de 7,9%, condicionadores de 18,6% e produtos de tratamento capilar de 12,6%.

Um exemplo é a Prohall, e-commerce de cosméticos, que registrou mais de 165% de crescimento entre janeiro e dezembro de 2020, e vendeu mais de 500mil unidades.

Produtos mais buscados para o tratamento

Um levantamento da empresa registrou que os produtos mais vendidos entre janeiro e abril de 2021 foram: Reparador Óleo 7ml representando 9% no total de vendas, Realinhamento Sinérgico 300ml com 8,5%, Realinhamento Sinérgico 1L com 7%, enquanto o Suplemento Force Hair 60 Caps representou 6,5% e o Absolut One Máscara em Spray 200ml 5%.

Projeta-se para 2021 um crescimento de 60% e a venda de 800mil produtos, entre eles:

  1. Realinhamento Sinérgico 300ml – 70.000 produtos
  2. Realinhamento Sinérgico 1L – 60.000 produtos
  3. Reparador Óleo 7ml – 60.000 produtos
  4. Suplemento Force Hair 60 Caps – 25.000 produtos
  5. Absolut One Máscara em Spray 200ml – 20.000 produtos

Com esses números, percebe-se que mesmo com o isolamento social, as pessoas não deixaram de se preocupar com os cuidados de beleza, e até por conta das medidas de fechamento dos salões, passou-se a fazer os tratamentos em casa.