Deficiência de Vitamina D existe?

Deficiência de Vitamina D existe?

Nutróloga Fernanda Cortez explica quais benefícios temos com a Vitamina D e o que pode nos causar a falta dela

A vitamina D é considerada um hormônio esteroide, ou seja, uma substância produzida pelo corpo humano e fundamental para o correto funcionamento do organismo, sobretudo para a manutenção do vigor, força dos ossos e dos músculos.

Ajudando também no processo de fertilização, melhora da ansiedade e depressão, melhora de doenças autoimunes, prevenção de doenças cardíacas, melhora da cognição, prevenção de câncer, dentre várias outras coisas. 

É uma vitamina naturalmente presente em alguns alimentos e também disponível em farmácias e drogarias como suplemento, geralmente em formato de cápsula. Sendo também suplementada de forma intramuscular, tendo assim, uma absorção ainda melhor.

Ela também é produzida dentro de nosso organismo, quando os raios ultravioleta (UV) da luz solar atingem a pele, acionando a síntese da vitamina D. Para obter vitamina D você deve se expor diariamente ao sol, por 10 a 15 minutos. Porém, a falta dela é mais comum do que você imagina.

Ela ocorre, com mais frequência, quando a pele não é exposta a essa quantidade suficiente de luz solar. Alimentos naturais (não enriquecidos) por si só raramente fornecem uma quantidade suficiente de vitamina D para prevenir a deficiência.

É importante consultar um médico para orientar a melhor forma de repor a baixa de Vitamina D, seja por uma rotina alimentar, medicação ou suplementação. 

Dra. Fernanda Cortez (Nutróloga e Ortomolecular) 

Formada em Ciências Médicas pela Faculdade Santa Marcelina; Internship em Endocrinologia e Diabetes pelo Joslin Diabetes Center, da Harvard Medical School, em Boston – Estados Unidos; pós-graduada em Nutrologia pela ABRAN (Associação Brasileira de Nutrologia);  pós-graduada em Nutriendocrinologia Funcional; e pós-graduada em Tricologia (medicina do cabelo) pela BWS.

Dra. Fernanda Cortez

Voltar ao Topo