Dicas de como criar uma rotina de organização

Quando falamos em rotina, muitas pessoas pensam: Rotina é chato, não quero uma vida engessada.

Ter uma rotina é criar um mapa do que é necessário fazer: diariamente, semanalmente, quinzenalmente, mensalmente, etc. Tendo esse mapa, caso as coisas “saiam do controle”, você conseguirá voltar a rota e seguir, sem estresse. É necessário gerenciar o tempo tanto na vida pessoal como na vida profissional e estabelecer limites entre eles.

Para iniciar a montagem de uma rotina saudável é necessário que liste todos os papéis que exerce e verifique as atividades que realiza. Existem diversos tipo de rotina: da casa, dos filhos, de trabalho, matinal, noturno, de estudos, leitura, etc.

Para gerenciar tudo isso é importante que distribua as atividades em blocos de tempo (exemplo: manhã, tarde e noite). Calcule quanto tempo leva cada rotina e distribua no seu dia a dia.  

Dentro da organização de rotinas da casa determine quais tarefas domésticas cada pessoa realizará dentro de casa e, assim, monte um cronograma de limpeza doméstica.

Decida também as refeições que serão preparadas para a semana, isso ajuda a montar sua lista de compras, organizar sua geladeira e despensa e você não perde tempo pensando todos os dias o que cozinhar. Ter um cronograma de limpeza e um menu semanal ajuda a ter uma rotina mais estruturada.

Lembrando que cada rotina vai ser muito particular de cada um. Outra dica e envolver todos na casa nas rotinas, assim não irá sobrecarregar ninguém.

Colaboração é a palavra-chave e para que todos  consigam  fazer suas atividades, tente conciliar as rotinas: casa, trabalho, escola e lazer. Organizar seu tempo é descobrir suas prioridades, o que é realmente IMPORTANTE, isso sim entrará na rotina.

O que é perceptível no momento é que as pessoas não são as donas do seu tempo. É necessário tomar cuidado com o excesso de informação.

Você já ouviu falar em FOMOFOBIA? É a sigla em inglês para “fear of missing out” que traduzido em português medo de estar perdendo algo, de estar por fora. Se você fica checando seus WhatsApp de 5 em 5 minutos ou passa horas ou hora nas redes sociais sem foco, muito cuidado.

Há também a NOMOFOBIA que é o medo de ficar sem celular. Estamos saturados de tanta informação e para manter a rotina e a saúde mental é necessário: planejamento, estabelecer horários, ter foco e disciplina.

Use a tecnologia a ser favor, automação ajuda a termos mais tempo, mas deve ser usada de forma correta. Hoje, trabalho inclusive com organização digital, que nada mais é que organizar os arquivos e dispositivos digitais, assim como a vida online, trazendo um melhor gerenciamento das informações e controle do tempo delas. As interrupções e distrações digitais estão disparadas quando o assunto é tira o foco.

Há também as pessoas de perfil analógico, ou seja, precisam se organizar com ferramentas analógicas, como por exemplo: agenda, planner, caderno, etc. Então a melhor forma de organizar seu tempo é descobrir o seu perfil, escolher a melhor ferramenta e se organizar.

A última dica é não faça os outros serem o dono do seu tempo, estabeleça limites e regras. Exemplos:

  • Coloque um aviso na porta quando estiver em reunião.
  • Reserve tempo para ficar com a família, momento de descanso, são fundamentais para recuperação da produtividade.
  • Observe a rotina dos filhos e encaixe tarefas que exijam mais concentração sua quando eles estiverem concentrados também.
  • Peça ajuda e colaboração de todos na casa.
  • Monte um cronograma de limpeza da casa e um menu semanal.
  • Faça um cronograma das atividades de todos e deixe visível a todos. Hoje no mercado temos diversos modelos de planners de geladeira ou parede que podem deixar tudo mais divertido.
Kalinka Carvalho

Fazendo a gestão correta do seu tempo você conseguirá fazer o que realmente é importante e não se sobrecarregará. Aproveite melhor seu tempo!

Kalinka Carvalho é, consultora, palestrante e produtora de conteúdo em organização pessoal e residencial.