Dicas para tratar a pele a partir dos 40 anos

Especialista indica os melhores cuidados e tratamentos para tratar a flacidez causada pela idade

Manchas, rugas finas, poros abertos, flacidez são algumas características de uma série de transformações que a nossa pele passa no decorrer dos anos.

Mas, a boa notícia é que com cuidados especiais indicados por um profissional, é possível rejuvenescer o viço natural e elasticidade da pele madura.

Segundo o Dr. José Roberto Fraga Filho, dermatologista membro Titular da Sociedade Brasileira de Dermatologia , e Diretor Clínico da clínica Dermagynus, a partir dos 30 anos começamos a perder 1% de colágeno ao ano, essa perda faz com que percamos a sustentação da nossa pele, levando a flacidez.

No rosto especificamente ocorre uma mudança no formato, antes de forma triangular indicando juventude e após de forma hexagonal mostrando um certo “derretimento da face “.

Um dos fatores que mais levam ao envelhecimento é a luz. Por isso, o uso diário e repetitivo do protetor solar é ainda o melhor tratamento preventivo. Hábitos pouco saudáveis como o fumo também levam ao envelhecimento precoce.

Como forma de cuidado sempre indico lavagem com sabonete apropriado para seu tipo de pele, hidratação e finalizar com o uso do protetor solar. São três passos simples que vão manter sua pele mais saudável!

Os tratamentos tópicos visam melhorar a qualidade da pele, ou seja, tratando manchas, rugas finas, poros abertos, entre outros.

Mas, os cremes não tem o poder de tratar a flacidez causada pela idade. 

“Uma alimentação saudável é essencial para uma pele firme e bonita, mas como no mundo moderno nem sempre conseguimos isso, usamos a partir dos 35 anos uma suplementação de vitaminas para estímulo de colágenos como o Exsynutriment que é o Silício Orgânico e do Verisol que é um colágeno derivado da pele e dos ossos do porco,

conta o dermatologista.

O tratamento estético mais realizado no mundo é a aplicação de toxina botulínica, popularmente conhecida como Botox, usada para as rugas de expressão da face mas não para flacidez. “Na flacidez usamos principalmente Bioestimuladores de colágeno, tecnologias como Ultrassom Microfocado (Ultraformer III), entre outros.

Em caso de manchas usamos desde Peelings até o uso de vários tipos de Lasers dermatológicos”, explica o dermatologista.

Além disso, o especialista reforça que o maior vilão na alimentação que prejudica não só a pele, mas também todo o organismo, é o açúcar e os carboidratos de absorção rápida, por isso indicam o consumo na sua forma integral e uma restrição maior de açucares. 

Para finalizar, aposte sempre em montar um prato colorido, rico em vegetais, legumes, proteínas e bons carboidratos.

Fonte:

Dr Jose Roberto Fraga Filho

  • Médico Dermatologista
  • Membro Titular da Sociedade Brasileira de Dermatologia e Cirurgia Dermatológica
  • Médico Fundador e Diretor Clínico da Clínica Dermagynus desde 1992

Instagram: @dermagynus